6.4.17

"Não trabalhamos com perfeição"

Sou racional demais com tudo e ainda mais sentimental com tudo. Eu emburro. Eu não gosto de ter que me esforçar demais. Eu sou preguiçosa. Eu julgo. Eu não consigo pedir desculpas em alto e bom som. Eu sou chata. Sou contraditória. Não sei lidar com a tristeza, nem a minha, nem a das outras pessoas, por muito tempo. Eu não gosto de lugares luxuosos ou refinados. Nem de situações formais. Nunca fico feliz em lugares totalmente desconhecidos e particulares. Eu não sei escolher. Levo 5 peças pro provador, gosto de todas, não compro nenhuma, porque... não sei. Eu não sei lidar com crianças e prefiro que me deixem fora disso. Eu não ligo muito pra família. Faço coisas que não gostaria que outras pessoas fizessem. Nem sempre eu sei lidar com brincadeiras. Eu sou procrastinadora. Eu fico louca e "desconto" nas pessoas. Eu odeio que não respondam minhas mensagens o mais rápido possível. Eu me estresso com pessoas lentas. Sou egoísta. Sou um bebê birrento com dor, me deixa quieta e não chega perto. Quando eu quero, quero agora e depois não serve mais. Eu preciso falar merdas para desestressar. Não gosto de dramas em cima de mim. Não suporto rancor. Não gosto de ser cobrada. Não gosto de ser pressionada. Não suporto gente enrolada. Não gosto de depender de ninguém, nem carregar a responsabilidade de um dependente. Nunca sei como vou reagir as coisas. Meu emocional é complicado. Meu humor se altera com muita facilidade. Não gosto de reclamações, mas não sei sentir dor, estar com fome, sede ou vontade de fazer xixi sem deixar todo mundo ciente do meu incomodo.  Não aguento pessoas que não superam histórias (livros, filmes, a vida real, etc). Que acham que todo mundo tem que gostar de determinada coisa. Não sei beber. Sou enjoada para comidas e bebidas. Sou enjoada. Odeio olhares julgadores sobre minhas coisas. Me importo demais e não me importo o suficiente. Penso muito nas coisas. Odeio que me digam que me preocupo demais, que sou medrosa, que penso demais.

Frequentemente sou uma criança de 5 anos e uma velha de 67.

***

 Inspirado neste post do Não sei lidar, que por sua vez foi inspirado neste aqui do Fina flor.

2 comentários:

  1. Quantas vezes é possivel que a gente se identifique com alguém em um unico texto?
    nEM VOU POR AS PARTES AQUI QUE SÃO MUITAS
    você sou eu lena <3 <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ♥♥
      Nada novo sob o sol, como podemos ver.

      Excluir